Haddad: Pinheirinho? Comigo não

5f082hu7a9tqoquuct4h680ja

 

Deu na Rede Brasil Atual:

São Paulo – O prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) informou hoje (26), durante o anúncio do Plano de Metas de seu governo, que a prefeitura está intercedendo para reverter a reintegração de posse de um terreno na zona leste da cidade onde vivem 750 famílias de sem-teto. A desocupação, por ordem judicial a pedido do proprietário, começou hoje de manhã com homens da tropa de choque da Polícia Militar, que usou bombas de efeito moral para dispersar moradores que protestavam na frente do terreno.

Segundo Haddad, o secretário de Habitação do município, José Floriano de Azevedo Marques Neto, foi instruído a procurar o dono da área, Heráclides Batalha, para tentar uma solução negociada, que passaria pela desapropriação amigável do local. Batalha, porém, não teria aceito a proposta.

Diante disso, a prefeitura diz que irá publicar um decreto nos próximos dias declarando a área de utilidade pública. Ao mesmo tempo, segundo o secretário de Assuntos Jurídicos, Luís Massonetto, a administração entrou com uma petição no Tribunal de Justiça de São Paulo para suspender a reintegração.

O terreno fica no Jardim Iguatemi e tem 132 mil metros quadrados.

Anúncios

Sobre Murilo Silva

Jornalista por acidente.
Esse post foi publicado em Política. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Haddad: Pinheirinho? Comigo não

  1. Simone Freire disse:

    Longe de mim defender algum partido! Mas, pra mim parece um fato evidente a mudança de postura da Prefeitura de São Paulo com a troca de gestão do PSD/PSDB para o PT. Não lembro de ter visto nenhuma declaração do Kassab, por exemplo, em nenhum momento das grotescas reintegrações de posse, ou melhor, “despejos”, realizados na gestão PSD. A reintegração de posse na Zona Leste começou às 6 da manhã, e agora, às 13 horas, foi suspensa! É uma vitória dos moradores, mesmo tendo passado por tantas humilhações e agressões pelo PM neste processo. Agora, o terreno no Jardim Iguatemi não é tão estratégico quanto os terrenos de Itaquera. Isso, obviamente, pensando na Copa do Mundo. Me instiga muita curiosidade saber qual será a posição da Prefeitura no despejo previsto para o final do mês de abril em uma favela localizada exatamente ao lado do “famoso” Itaquerão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s