Você não precisa do feminismo. Tem certeza?

Por Bruno Pavan

Dá-me um copo de cerveja aí porque abrirei neste espaço um consultório de psicologia.

Nós, seres humanos, sempre fazemos coisas para chamar atenção, principalmente do sexo oposto.

Este editor, em sua época de escola, comprou CD e aprendeu a cantar músicas dos Back Street Boys.

(O início dos anos 2000, amigos, foi uma época cruel. Muito cruel)

Hoje, leio Blazac pelo mesmo modo que ouvia a boy band: para impressionar alguém (ou alguéns) do sexo oposto.

Sobrevivi para contar a história e hoje sou um homem que conhece músicas do Back Street Boys e lê Balzac.

Apareceram na milha TL do Facebook algumas imagens e textos de mulheres dizendo que não precisam do feminismo.

Juro que não queria saber de onde estava saindo tudo isso, mas acabei dando de cara com esse texto aqui e acabei achando a fonte disso tudo.

O resumo é: muitas mulheres mandaram fotos pra um site de “”””””homor””””””” misógeno dizendo o porquê não precisam do feminismo.

A ideia nasceu nos EUA e a frase mais curiosa que eu vi foi esta: “Não preciso do feminismo porque ficar bêbada e fazer sexo com um estranho numa festa é irresponsabilidade, não estupro”.

Bem, se você foi a uma festa, bebeu e fez sexo com um estranho porque estava a fim, realmente não foi estupro. Nem irresponsabilidade. Foi um desejo seu. Só.

Agora, se você foi a uma festa, bebeu, acordou no outro dia sem saber o que aconteceu e ficou sabendo que alguém transou com você, sim, isto foi um estupro.

As moças que não precisam do feminismo talvez devessem dar uma lida nesse estudo publicado no Estadão nesta terça-feira: 3835 pessoas estão presas no Brasil por violência doméstica. Um aumento de 109% desde 2008.

Se não ficar satisfeita, leia aqui um texto da Nádia Lapa que te dão alguns argumentos pra mudar de ideia.

A brasileira que mandou a fotos para o blog do “”””omorista””””””” disse que reconhece o seu papel na sociedade e que lavar louça é uma deles.

A mulher que reclama de jornada tripla no dia (profissional, doméstica e amorosa) vai precisar do feminismo qualquer dia desses.

Chamar atenção de carinhas é do jogo. Fazer coisas pra chamar atenção deles, também.

Agora, não abraçe causas somente para ganhar alguns likes no Facebook.

Quando você ir pra balada e for agredida porque não quer ficar com ninguém, ou quando for julgada pela roupa que usa ou pelas pelavras que fala, é o feminismo que vai te defender.

E, a regra é clara, como diz um comentarista de arbitragem da TV: se você não é feminista, há 99% de chances de ser machista.

Anúncios
Esse post foi publicado em Brasil e marcado , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Você não precisa do feminismo. Tem certeza?

  1. Pingback: Seja feliz em sua calça jeans 42… 44… 46… 48… |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s