Vanguarda do atraso

Lembra do Ricardinho?

Lembra do Ricardinho?

Agência Brasil

Brasília – Pouco mais de quatro em cada dez jovens entre 18 e 29 anos concordam, total ou parcialmente, com a ideia de que mulheres que se vestem de forma insinuante não podem reclamar se sofrerem violência sexual e pouco mais de 10% são indiferentes a esse tipo de violência. É o que mostra a pesquisa Juventude, Comportamento e DST/Aids, encomendada pela Caixa Seguros, aprovada pelo Comitê de Ética da Faculdade de Medicina da Universidade de Brasília e feita com o acompanhamento da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) e do Departamento de Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids (DST/Aids) e Hepatites Virais do Ministério da Saúde. Os resultados mostram alto grau de desinformação, preconceito de gênero e contra homossexuais.

Para o coordenador da pesquisa, Miguel Fontes, que é doutor em saúde pública, o machismo ainda está muito presente entre os jovens, “principalmente os homens”. Pouco mais de 9% dos entrevistados concordam ou são indiferentes ao fato de um homem agredir uma mulher porque ela não quis fazer sexo e pouco mais de 11% têm a mesma opinião com relação a homens que batem na parceira que o traiu.

 

Saindo do Foco:

Por Murilo Silva

Uma segunda pesquisa, publicada hoje sobre o mesmo grupo, jovens, mostra que mais de 70% deles não estudam e não trabalham – são os chamados ”Geração Nem-Nem”.

Nem estudam.

Nem Trabalham.

Não estudam, não trabalham e não pensam, como vimos na pesquisa sobre comportamento e DSTs.

Quem faz a cabeças desses jovens? Quais são as suas referências? Como eles estão sendo formados – humanisticamente formados – ?

A juventude, ao longo da História, sempre teve o protagonismo da atividade revolucionária. Sempre esteve na linha de frente, sempre foi porta voz do novo.

De repente nos deparamos com uma geração anti-Woodstock, disposta a fazer uma anti-revolução.

Eles continuam na linha de frente, na vanguarda, mas desta vez, na linha de frente de uma guinada conservadora. São a vanguarda do atraso.

 

 

 

Anúncios

Sobre Murilo Silva

Jornalista por acidente.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Vanguarda do atraso

  1. Pingback: Romário contra a esquerda-caviar |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s